Home Artigos Bimsync usado em obra do metrô, linha 16 do The Grand Paris Express com a Egis

Bimsync usado em obra do metrô, linha 16 do The Grand Paris Express com a Egis

O lendário sistema de metrô de Paris está em rápido crescimento em uma expansão maciça chamada Grand Paris Express. A nova Linha 16 cobre 25 km no nordeste de Paris.

O grupo de engenharia francês Egis está trabalhando como empreiteiro geral dos sistemas e da infra-estrutura da Linha 16. Esta nova linha de metro cobre 25 km de Noisy-Chanps a Saint-Denis-Pleyel Nordeste de Paris. A linha incluirá nove estações de metrô, das quais três são definidas como ícones. Incluirá também trinta e quatro obras/eixos auxiliares.

A automação do metrô permitirá um intervalo de apenas três a quatro minutos entre cada trem. A rapidez da circulação será otimizada graças à velocidade dos comboios que irão até aos 110 km/h. A abertura da primeira parte da linha está prevista para 2024 para os Jogos Olímpicos de Paris e a segunda e terceira partes do projeto continuarão até 2030. O custo da linha 16 é de 3 bilhões de Euros.

A complexidade do projeto da Linha 16 é extensa. Precisa satisfazer requisitos de alto nível para o sistema de transporte (operação e manutenção), para o conforto dos viajantes, para o design sustentável (ventilação e iluminação natural) e para a integração em áreas urbanas em transição e o desafio é entregar a linha num curto espaço de tempo. O projeto é também a ocasião para implantar uma rede de fibra na infra-estrutura do metrô que servirá os bairros ao redor da linha.

O Bimsync é utilizado principalmente neste projeto para a fase de construção, a fim de simplificar as interações entre todas as entidades (proprietários do projeto, gerentes de projeto, empreiteiros, arquitetos, etc). Ele serve como a principal ferramenta para a equipe de gerenciamento do projeto para manipular e consultar os modelos criados pelos empreiteiros. A plataforma Bimsync também é utilizada durante a fase de projeto para acelerar e melhorar os diversos fluxos de trabalho.

A fim de utilizar todo o potencial do Bimsync e ter uma boa organização da informação para um projeto de infra-estrutura, cada estação e cada trabalho auxiliar da linha é exibido em seu próprio projeto Bimsync. Esta estrutura “orientada ao usuário” ajuda a esclarecer o acesso à informação e a simplificar a visualização dos modelos 3D. Bimsync é uma das principais ferramentas onde a informação está disponível, e onde os problemas são discutidos.

O Bimsync representa uma ferramenta útil para o nosso projeto. Ela permite que cada participante tenha um acesso direto à informação. É também uma grande oportunidade para a nossa empresa ilustrar e implantar a cultura BIM entre os nossos colaboradores. A simplicidade das suas funcionalidades e a fluidez da sua manipulação tornam o BIM compreensível e os modelos 3D acessíveis a todos. David Swiatkiewiez, integrador BIM e administrador do Bimsync

 

Carregar mais artigos relacionados
Load More In Artigos
Comments are closed.

Leia também

Como o Bimsync está trabalhando remotamente?

Escrito por Leonardo Cunha, CTO da Catenda Aqui na Catenda, usamos o Bimsync como nossa fe…